Chakras | Arcturianos
Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

O sétimo centro (Sahastrara) é o chakra que integra todos os demais chakras com suas respectivas qualidades.

É o último marco da evolução da consciência humana.

Atualmente, nós nos encontramos em um nível que corresponde a este chakra e nossa consciência é capaz de facilmente penetrar neste novo reino de percepção, que está além de nossa mente limitada e de nossos conceitos e que se torna absoluta ao nível do Sahasrara.

 

É a percepção direta e absoluta da Realidade em nosso sistema nervoso central.

 

À medida que a energia Kundalini atravessa o topo da sua cabeça (também conhecida como a área da fontanela), ela une sua consciência individual (atma) à consciência universal (paramatma).

Isso pode ser sentido como uma poderosa sensação de pulsação na coroa de sua cabeça. Uma sensação de fusão e vibrações mais frias muitas vezes seguem essas poderosas pulsações.

Como resultado dessa experiência, você terá obtido uma nova dimensão de consciência que permitirá que você perceba melhor a verdade. Você terá tudo o que precisa para distinguir o bem do mal, o certo do errado e a verdade da falsidade.

Uma vez que você tenha alcançado a conexão da sua Kundalini, com a Energia Divina do universo, você não será mais consumado com o passado ou o futuro.

Você experimenta alegria interior verdadeira ao contrário de qualquer que tenha experimentado antes. Neste ponto, sua consciência humana se uniu ao divino e seus seres físicos, intelectuais, emocionais e espirituais se tornaram um.

 

Agora você pode atuar em perfeita harmonia.

 

Você não sentirá confusão ou contradição. Você experimentará completa calma interior e alegria perfeita. Você intuitivamente saberá que resposta ou ação é moralmente correta.

Antes de alcançar a conexão da sua Kundalini, você deve ter que aceitar que Deus existe apenas pela fé.

Mas depois, você se moverá para um estado de consciência sem dúvida, onde vocês dois estão conscientes e se sentem seguros sobre a existência do Divino.

À medida que você continua a meditar, essa consciência sem dúvida se tornará ainda mais forte.

 

conheca o setimo chakra

 

Significado de Sahasrara: Mil Pétalas

Cor: Violeta, Dourado e Branco.

Pedras: Cristal de Quartzo, Diamante, Topázio Incolor, Ametista, Charoíta, Fluorita, Pirita, Calcita Dourada, Ametrino.

Função: Yoga, União com o Todo, Integração de todos os chakras.

Qualidades:

 

É através do chakra Sahasrara que você pode se conectar ao poder que o criou. Com isso, você pode descobrir o significado de sua vida. Representa o seu destino final – a realização do céu na terra.

 

As qualidades do chakra de Sahasrara incluem:

 

• Integração

• Consciência sem pensamentos


• Silêncio, faculdade de viver no presente


• Abertura da consciência perceptiva vibratória


• Entrada na consciência coletiva.

 

Cada um dos seus seis chakras principais (de Mooladhara através de Agnya) tem raízes dentro do seu cérebro.

Quando você desperta sua Kundalini Ela passa por cada um dos seis chakras e se instala na região limbica do seu cérebro. Este processo também é conhecido como Iluminação Espiritual.

 

O chakra Sahasrara está representado no espaço oco dentro da área límbica. Mil nervos cercam esse espaço.

 

Quando a energia Kundalini entra em seu chakra Sahasrara através da meditação, todos esses nervos disparam em uníssono. A energia Kundalini então se manifesta através do topo da sua cabeça e se une à Energia Divina do universo.

Bloqueios:

 

Isolamento, solidão, frustração.

Auto-avaliação:

 

Se o seu chakra Sahasrara estiver bloqueado ou desequilibrado, você pode ter dificuldade em sentir as vibrações em geral.

Você também pode experimentar dúvidas quanto à realidade espiritual ou à existência do divino.

Felizmente, quanto mais você pratica alguma meditação como a Sahaja Yoga, mais clara será sua totalidade em seus chakras (ou centros de energia).

Isso acabará por conduzir ao equilíbrio dentro do Sahasrara.

Tudo o que é necessário é uma mente aberta e uma vontade de continuar a praticar a sua meditação.

Eventualmente, você conseguirá e experimentará a conexão de sua Kundalini com a Divina Energia regularmente.

Como equilibrar:

 

Você pode trabalhar para equilibrar seu chakra Sahasrara colocando a mão direita firmemente na coroa da sua cabeça.

Gire a mão lentamente no sentido dos ponteiros do relógio enquanto diz: “Deixe-me experimentar o estado da meditação”.

Se você não consegue sentir as vibrações inicialmente, não deixe isso ser uma causa de dúvida.

Apenas seja paciente consigo mesmo e continue com isso. Você também chegará lá. Este é um passo importante para manter seu chakra Sahasrara aberto e livre de obstruções.

 

Conheça o Primeiro Chakra – Muladhara

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Fontes: Sahaja YogaPranayamaSomos Todos Um

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

O sexto chakra Agnya é o do perdão e da compaixão.

O perdão é o poder de deixar sair a ira, o ódio e o ressentimento e de descobrir, com humildade, a nobreza e a generosidade do Espírito.

 

É este chakra que dissolve todo o nosso ego, condicionamentos, hábitos, falsas idéias de racismo e todas as nossas identificações errôneas.

 

É a porta estreita que abre o caminho para nossa consciência ascender a seu destino final, que é o sétimo chakra.

Olhos que vagueiam, olhando coisas impuras, ou egocentrismo danificam este chakra. Olhar o céu, a terra ou a natureza pode ajudar a purificá-lo.

 

 

Significado: Comando

Cor: Azul Índigo

Pedras: Sodalita, Safira Azul, Lápis Lazuli, Turmalina Azul, Azurita.

Qualidades:

 

• Perdão

• Compaixão


• Humildade


• Sensibilização sem pensamentos


• Ego e superego

 

A qualidade primária de Agnya é o perdão. É através deste chakra que você aprende a se perdoar e a outros por deficiências humanas.

O chakra de Agnya também é referido como “o terceiro olho”. Quando energizado, este chakra permite que você consiga a consciência irrefletida, ou o silêncio mental, que é tão essencial para rejuvenescer a meditação.

Experiência e Benefícios:

 

Seu chakra Agnya controla sua visão, audição e pensamentos. Também controla sua glândula pituitária.

Esta glândula essencial, também conhecida como “glândula mestra”, regula todas as outras glândulas endócrinas e influencia seu crescimento, maturação fisiológica, metabolismo e sono.

 

Muitos de nós passamos longas horas no computador como parte de nossos trabalhos.

 

Nós também passamos muito tempo na frente da televisão. Muita estimulação visual pode enfraquecer o chakra Agnya.

O seu Agnya esquerdo está conectado à parte do superego do seu cérebro, que retém suas memórias, experiências, hábitos e emoções.

Seu Agnya direito está conectado à parte do ego do seu cérebro, que se concentra no futuro através do pensamento, planejamento e ação. Seu ego e seu superego se cruzam dentro do chakra Agnya.

Se o Agnya esquerdo for hiperativo, seu superego pode inchar como um balão. Todo o foco no passado pode levar ao desenvolvimento de um temperamento altamente emocional e pensamentos ou comportamentos auto-prejudiciais.

 

Da mesma forma, se o seu Agnya direito é hiperativo, seu ego irá se expandir com todo o excesso de pensamento e planejamento.

 

Isso pode levar à agitação, perda freqüente de temperamento e até mesmo comportamento agressivo em relação aos outros.

Felizmente, preencher o chakra Agnya com a energia Kundalini é uma maneira muito eficaz de equilibrar e esvaziar os balões.

O silêncio mental que vem da meditação infunde humildade em todos nós. Através da humildade, desenvolvemos o poder do perdão.

O perdão é sobre aceitação e cura. Isso liberta você dos laços negativos de raiva, ódio e ressentimento. Ao perdoar, você pode esperar experimentar uma tremenda sensação de paz e alívio.

Bloqueios:

 

Dificuldade de raciocínio, problemas físicos na cabeça (rosto, nariz, ouvido…), problemas nervosos, rigidez mental, visão limitada, aversão à espiritualidade, falha de memória, confusão mental.

Auto-avaliação:

 

Se o seu chakra Agnya estiver bloqueado, você pode experimentar uma incapacidade de perdoar a si mesmo ou a outros.

Você também pode encontrar-se morando no passado ou consumido com auto-piedade.

O egoísmo e a agressividade são outros sinais de um desequilíbrio de Agnya, bem como uma obsessão pela pornografia ou fantasias sexuais que distraem.

Preocupação, pensamento excessivo e planejamento excessivo também podem indicar um bloqueio do chakra de Agnya.

Como equilibrar:

 

Para equilibrar seu chakra Agnya, pratique seu exercício de meditação em um ambiente natural.

Tente meditar ao ar livre enquanto olha para o céu. Você também pode colocar sua mão direita em sua testa, depois baixe sua cabeça e diga: “Eu perdoo a tudo e a todos, inclusive a mim mesmo”.

Tente expressar seu perdão de seu coração. Pode-se também orar o Pai Nosso ainda com a mão na testa.

A melhor maneira de manter seu chakra Agnya equilibrado é evitar o pensamento e o planejamento excessivos. Viva o presente – e aproveite cada segundo!

 

Conheça o Primeiro Chakra – Muladhara

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Fontes: Sahaja YogaPranayamaSomos Todos Um

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

O quinto chakra (Vishuddhi) é o chakra da diplomacia, dos relacionamentos puros com os outros, e do alegre desapego.

 

Ele remove todas as nossas culpas e remorsos, quando aberto pela Kundalini, e nos dá uma voz gentil e compassiva.

 

As tendências de dominar os outros ou de se sentir dominado pelos outros, os sentimentos de superioridade ou de inferioridade e todos os ciúmes são removidos quando este chakra é nutrido pela Kundalini.

Também, o Vishuddhi é o chakra que nos dá a conexão com o todo, permitindo-nos sentir nossa unidade e o fato de que somos todos parte e parcela do Todo.

 

Experiência e Benefícios:

 

O chakra Vishuddhi governa seu pescoço, garganta, braços, rosto, orelhas, boca e dentes. Também controla suas habilidades de comunicação.

Quando seu chakra Vishuddhi é equilibrado, você tem uma perspectiva equilibrada sobre eventos em sua vida.

 

Os desafios podem ser enfrentados com a tranquilidade. Você se sente otimista mesmo em situações esmagadoras.

 

O chakra Vishuddhi permite reconhecer que existem eventos externos fora de você. Como resultado, você pode testemunhá-los com calma.

Um Vishuddhi equilibrado é essencial para o seu crescimento como um ser espiritual.

Também é essencial para o crescimento de relacionamentos positivos e saudáveis com os outros.

Diplomacia e respeito são reforçados pela força desse chakra.

Você também pode ativar esse chakra quando fala do coração e louve em vez de criticar.

 

Significado de Vishuddhi: O Grande Purificador

 

conheca o quinto chakra

 

Cor: Azul Celeste

Pedras: Topázio Azul, Turquesa, Calcita Azul, Quartzo Azul, Angelita.

 

Qualidades:

 

*Relações positivas

*Comunicação efetiva


*Polidez


*Diplomacia


*Sentido da comunidade


*Personalidade agradável

 

As qualidades fundamentais conferidas pelo seu chakra Vishuddhi incluem uma comunicação efetiva e um senso de comunidade.

Quando seu Vishuddhi é equilibrado e energizado, você se sente em harmonia com o resto da humanidade.

É através do chakra Vishuddhi que você recebe a capacidade de ser diplomático, educado e agradável.

O chakra Vishuddhi também lhe dá a capacidade de aceitar deficiências e desafios sem sentimentos de culpa.

Auto-avaliação:

 

Se o seu chakra Vishuddhi não for equilibrado, você pode experimentar uma falta de auto-respeito e sentimentos de culpa.

Você também pode experimentar períodos de reação exagerada e comunicação agressiva.

A conversa ou grito excessivo às vezes pode causar um bloqueio no chakra Vishuddhi direito.

Dor ou infecção em seus ouvidos ou dentes podem indicar um bloqueio do chakra Vishuddhi.

Sentimentos de culpa podem apresentar-se como ombros doloridos ou tensos e pescoço.

Isso pode indicar um desequilíbrio no seu Vishuddhi esquerdo.

Resfriados recorrentes, sinus e infecções brônquicas podem indicar um desequilíbrio do Vishuddhi direito. Relações inadequadas ou ilícitas também podem causar desequilíbrios no chakra Vishuddhi.

Bloqueios:

 

Garganta apertada, nó na garganta, gagueira, problemas físicos na garganta queixo, nuca e ouvido, problemas físicos relacionados à voz, traqueia, região pulmonar, esôfago e braços, linguajar chulo, dificuldade de se mostrar, timidez, superficialidade, medo da opinião alheia, rigidez, dificuldade de ser o que quer.

Como equilibrar:

 

Se você quiser equilibrar seu chakra Vishuddhi, coloque sua mão direita alguns centímetros na frente de sua localização. Sua palma deve estar voltada para dentro.

Uma vez que você sente energia fluindo através de sua mão, gire-a em torno do chakra no sentido horário. Repita esta rotação várias vezes.

Para limpar seu Vishuddhi esquerdo, segure uma vela a poucos centímetros de distância da interseção do pescoço e ombro esquerdo.

Mova a chama suavemente e lentamente no círculo do sentido horário em torno do chakra.

Tratamento com as atitudes:

 

Praticar o desapego (de pensamentos, condicionamentos, ambições e desejos emocionais ) e o estado de testemunha.

Conheça o Primeiro Chakra – Muladhara

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Fontes: Sahaja YogaPranayamaSomos Todos Um

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

O quarto chakra Anahata, o chakra do coração, é o local onde reside nosso Espírito, nosso verdadeiro Eu, que é eternamente puro e não pode ser afetado por nada, como um brilhante diamante escondido dentro de nós que testemunha todas as nossas ações.

Após a Realização do Si, nossa atenção se torna pela primeira vez conectada a nosso Espírito e nós gradualmente tomamos consciência disso.

Nossas identificações errôneas com nosso ego ou condicionamentos desaparecem e nós começamos a nos identificar com nosso Espírito, que é a nossa verdadeira natureza.

 

No nível físico, este chakra cuida de nosso coração e de nossos pulmões – se afetado pode nos causar asma ou diversos problemas cardíacos.

 

É a partir do nosso coração que a compaixão e o amor se manifestam, e é também o chakra do coração que nos dá o senso de responsabilidade e o comportamento puro em relação aos outros.

O chakra do coração se manifesta no centro (ao nível do osso esterno) como completa segurança e confiança.

Todas as nossas preocupações, dúvidas e medos são destruídos quando o chakra do coração é totalmente iluminado pela Kundalini.

 

Significado de Anahata: Invicto, Inviolável.

 

 

Cor: Verde

Pedras: Quartzo Verde, Calcita Verde, Turmalina Verde, Malaquita.

Qualidades:

 

Segurança, amor incondicional, comportamento gracioso, verdade, alegria, autoconfiança, ausência de medo e sensação de segurança na vida, imunidade fisiológica; proteção física, mental, emocional e espiritual.

Bloqueios:

 

Problemas relacionados com o coração, com a parte superior das costas, com o peito e cavidade torácica, pulmões, pele, sangue e circulação sanguínea; vulnerabilidade e dependência emocional; hipersensibilidade; dificuldade para lidar com frustrações e rejeições; comportamento agradador; dificuldade de estabelecer intimidade; frieza e indiferença; brutalidade e depressão.

Auto-avaliação:

 

Se o chakra de Anahata estiver bloqueado ou desequilibrado, você pode sentir sintomas como palpitações cardíacas, asma e um sistema imunológico enfraquecido.

Nos casos mais graves, podem ocorrer ataques cardíacos, câncer de mama e doenças pulmonares.

No entanto, é improvável que você tenha alcançado tal estado. Equilibrar este chakra é simples e irá ajudá-lo a prevenir essas doenças graves, bem como sintomas menos graves.

 

Tal como acontece com muitos outros chakras, as tensões do cotidiano podem levar a bloqueios e desequilíbrios.

 

O pensamento excessivo, o planejamento excessivo, a insegurança e a ansiedade podem contribuir para um desequilíbrio do chakra Anahata. No entanto, quando você energiza este chakra através da meditação, você recuperara o equilíbrio.

Você ficará confiante e seguro – imune a influências negativas. Quando o chakra do coração é forte, você é livre para apreciar plenamente a alegria da vida.

Tratamentos:

 

* Proferir as afirmações: eu sou uma pessoa sem medo.
* Dar vibrações, colocando a mão direita sobre o Anahata central e a mão esquerda para cima. Dizer, ao mesmo tempo, doze vezes, o nome de Shri Jagadamba (Jagat significa Universo e Amba = Mãe).
* Inspirar profundamente, reter o ar por alguns segundos e, em seguida, expirar lentamente.Repita por algumas vezes.
* Os homens devem usar camiseta por baixo da camisa, evitando que o chakra se resfrie no inverno e receba suor no verão.

 

Conheça o Primeiro Chakra – Muladhara

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Fontes: Sahaja YogaPranayamaSomos Todos Um

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

O terceiro chakra Nabhi é da satisfação, paz, generosidade.

É o chakra do plexo solar ou umbilical, também chamado de Manipura Chakra, que nos proporciona o poder de sustentação.

Quando o Nabhi Chakra está iluminado pela Kundalini, ele nos dá generosidade incondicional, completo contentamento e profunda paz interior.

 

Este centro rege a função da digestão e assimilação, cuidando do estômago e dos intestinos.

 

No lado direito, ele cuida da parte superior do fígado, que é o órgão da nossa atenção. Este centro proporciona o bem-estar e a evolução nos seres humanos.

O Nabhi é o centro de nossa busca. Nós buscamos comida, abrigo, conforto e, finalmente, mesmo que não estejamos conscientes disso, buscamos evoluir para um novo estado de consciência espiritual e receber nossa Realização do Si.

 

Significado de Manipura: Cidade das Jóias; Mani: Jóias; Pura: Cidade.

 

 

Cor: Amarelo

Pedras: Citrino, Enxofre, Âmbar, Topázio Imperial, Calcita Amarela.

Qualidades:

 

Satisfação; busca do Si; crescimento espiritual; princípios do equilíbrio e da preservação; moralidade e ética; evolução; sustento do corpo físico através do alimento e sustento sutil do processo evolutivo espiritual através do dharma (código da correta conduta).

Causas de Bloqueios:

 

* Apego ao mundo material, à família, ao dinheiro, ao trabalho;
* Excessos na alimentação (comer demais ou de menos);
* Extrema atenção na alimentação;
* Falta de busca espiritual;
* Superficialidade;
* Atitudes contrárias ao Dharma.

Bloqueios:

 

Falta de energia e nervosismo; abatimento e desânimo; vê obstáculos em tudo; paranoia; descontrole; distração; tendência à fuga de novos desafios.

Tratamento com o Elemento Água:

 

Footsoak, ou seja, banho de pés com água salgada, por 12 a 15min, a água tem que cobrir os tornozelos, use uma garrafa com água limpa para lavar os pés sem olhar para a água da bacia, jogar na descarga ou na Mãe Terra a água suja. Esse processo pode ser feito para todos os chakras, em meditação.

 

O elemento água é o mais importante para esse chakra e deveria ser usado de todas as maneiras possíveis, como por exemplo, bebendo-se água vibrada, banho completo diário, etc.

Tratamento com os alimentos:

 

Se houver excesso de pensamentos, pensamentos contínuos que surgem e desaparecem, como se houvesse um “descontrole” sobre os pensamentos, recomenda-se comer legumes cozidos; arroz branco; iogurte; frutas, tais como: morango, cereja, amora, uva, pera, maçã, framboesa, melão, melancia; açúcar branco (candy).

Recomenda-se também evitar o excesso de café, de chocolate, de carne vermelha, de peixe e frutos do mar.

 

Tratamentos com as atitudes:

 

* Ser honesto com os outros e, principalmente, consigo mesmo.
* Comer o suficiente para manter o corpo em estado normal. Deve-se comer apenas uma quantidade que o torne satisfeito, sem excessos e sem privações exageradas.
* Massagear a área média das costas, a zona do estômago e os joelhos.

 

Conheça o Primeiro Chakra – Muladhara

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Fontes: Sahaja YogaPranayamaSomos Todos Um

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

O segundo chakra Swadisthana é da criatividade, atenção pura e conhecimento puro.

É aquele que nos conecta à fonte interior de inspiração e nos capacita a experimentar a beleza que existe em torno de nós.

O conhecimento puro dado por esse chakra não é mental, mas é uma percepção direta da Realidade, que pode ser sentida nas palmas de nossas mãos e indica nossos bloqueios sutis.

 

Também esse é o centro da atenção pura e firme e do poder de concentração.

 

No nível físico, ele cuida de nosso fígado, rins e da parte inferior do abdome.

Quando nós pensamos demais, este centro tem sua energia esgotada e doenças como diabete ou leucemia podem ocorrer quando ele perde completamente seu equilíbrio.

 

Significado de Swadisthana: Morada do Prazer ou Morada do Ser.

 

conheca o segundo chakra

 

Cor: Laranja

Pedras: Calcita Laranja, Cornalina, Coral, Crocoíta, Opala de Fogo

Qualidades: Criatividade, Criação.

 

Bloqueios:

 

Bloqueio de sentimentos em situações de grande tensão, bloqueio da energia sexual e criativa, autodesvalorização, problemas físicos na área dos quadris e problemas relacionados à urina.

 

Tratamento com os alimentos:

 

Se houver excesso de pensamentos, pensamentos contínuos que surgem e desaparecem, como se houvesse um “descontrole” sobre os pensamentos, recomenda-se comer preferivelmente alimentos de origem vegetal. Álcool e drogas; e também excesso de café, de chocolate e de gordura prejudicam esse chakra.

 

Tratamento com as atitudes:

 

Seja gentil consigo mesmo, celebre as pequenas conquistas da vida.

 

Conheça o Primeiro Chakra – Muladhara

Conheça o Segundo Chakra – Swadisthana

Conheça o Terceiro Chakra – Nabhi

Conheça o Quarto Chakra – Anahata

Conheça o Quinto Chakra – Vishuddhi

Conheça o Sexto Chakra – Agnya

Conheça o Sétimo Chakra – Sahastrada

Fontes: Sahaja YogaPranayamaSomos Todos Um